Editorial - Demolições no Bairro 6 de Maio e feminismo negro

"Esta terça-feira, ao mesmo tempo que chegava ao escritório, recebia uma mensagem no telefone: «A polícia está no Bairro 6 de Maio. Está a haver demolições. Vamos para lá. »" Ler mais

Na Rua - Trilogia do imigrante: trabalhar, descontar, esperar

A Avenida António Augusto de Aguiar, em Lisboa, foi ocupada por imigrantes que exigiam documentos para todos. Sentaram-se à frente do SEF, na estrada, e cortaram o trânsito, num protesto que trouxe à capital, desde o litoral alentejano, largas dezenas de imigrantes. Ler mais

Atualidade - Desalojados do Bairro 6 de Maio ocupam Ministério do Ambiente

Moradores e moradoras do Bairro 6 de Maio e ativistas ocuparam pela o Ministério do Ambiente exigindo soluções para as demolições que têm acontecido no bairro da Amadora. Ler mais

Luzia Moniz sobre feminismo negro

Luzia Moniz, angolana, jornalista, socióloga, presidenta da Plataforma para o Desenvolvimento da Mulher Africana, fala-nos sobre feminismo negro, a importância das zungueiras e da economia informal, de neo-colonialismo e da sua admiração por Winnie Mandela. Ler mais

Editorial - Os direitos dos imigrantes e a morte da rádio

Em Viena, declarou-se a morte da rádio. Um dia antes, naquela cidade, gritou-se pelos direitos dos migrantes. Ler mais

Reportagem - Rock in Riot. Bater o pé à especulação imobiliária

Rock in Riot. No protesto-festa com o lema “Ocupar as Ruas, Reclamar a Cidade” dançou-se contra a especulação imobiliária, os despejos e a dificuldade de conseguir arranhar casa para viver em Lisboa. Ouve aqui. Ler mais

Editorial - O jornalismo isento não existe

Nenhum jornalista é isento, imparcial, desinteressado. É, aliás, impossível que assim seja. Ler mais

Reportagem - Chelas City, a capital de Lisboa

Nesta reportagem, o É Apenas Fumaça foi ao Bairro do Condado, na Zona J, em Chelas, conversar com o Carlos “MC Bambam” e o Sandro Santos, do grupo Bataclan 1950, sobre a discriminação, o racismo e a violência policial de que sofre quem vive no bairro. Ouve aqui. Ler mais

Carlos Farinha Rodrigues sobre Pobreza e Desigualdade

Carlos Farinha Rodrigues, doutorado em economia e professor no ISEG, explica como é medida a pobreza em Portugal e dá-nos conta da sua dimensão. Fala-nos sobre precariedade, apoio social e aponta o caminho para aquelas que devem ser as políticas que permitem atenuar a pobreza e a desigualdade. Ler mais

Mamadou Ba sobre racismo e violência policial

“Nos últimos 15 anos, mais de dez jovens negros morreram nas mãos da polícia.”. Mamadou Ba, dirigente da SOS Racismo, falou-nos da cultura de impunidade que se sente nas forças de segurança portuguesa e dos casos de violência policial por que sofrem negros em Portugal. Ler mais

Reportagem - Casa ocupada em Lisboa ou a utopia do Direito à Habitação

A casa ocupada em Arroios foi despejada no dia 30 de Janeiro. O nº69 da Rua Marques da Silva está novamente vazio enquanto os pobres são empurrados para fora da cidade e da sua casa. Esta é uma reportagem sobre o direito à habitação e à ocupação. Ouve aqui. Ler mais

José Sócrates sobre os seus anos de Governo

José Sócrates fala sobre os seus anos de governação. Da reforma da floresta ao Plano Nacional de Barragens, da avaliação dos professores, ao Caso Freeport e à austeridade. Vê aqui. Ler mais

Falastine Dwikat sobre a prisão de Ahed Tamimi

Falastine Dwikat, ativista palestiniana, fala sobre a ocupação israelita, a prisão de Ahed Tamimi e conta como é normal uma criança palestiniana estar detida indefinidamente. Ler mais

Rita Silva sobre Direitos dos Animais e Veganismo

Conversámos com Rita Silva, da ANIMAL, sobre a evolução dos Direitos dos Animais em Portugal, o número crescente de pessoas que aderem ao veganismo e as campanhas para retirar os animais dos circos ou abolir touradas no nosso país. Ler mais

José Pedro Monteiro e Miguel Bandeira Jerónimo sobre a "missão civilizadora" portuguesa

Conversámos com os historiadores Miguel Bandeira Jerónimo e José Pedro Monteiro sobre a “missão civilizadora”, sobre a forma como se materializava no trabalho forçado e no sistema de educação, e sobre como faz ainda parte da narração da história colonial portuguesa. Ler mais

Paula Simões sobre neutralidade da internet, direitos digitais e direitos de autor

O fim da neutralidade da rede é uma ameaça à internet como a conhecemos. Mas não é a única. Há uma proposta de diretiva sobre direitos de autor de que não se fala. Em causa pode estar a proibição da partilha de links e excertos de notícias e a instalação de mecanismos de censura dentro da UE. Ler mais

Na Rua - Quem manda nesta democracia?

Hoje conversámos sobre a maneira como o TTIP e CETA estão a ser negociados, a influência das grandes empresas na UE e a falta de transparência dentro das instituições europeias. Ler mais

Gustavo Sampaio sobre corrupção e portas giratórias

Entre 1999 e 2001, 4 Parcerias Público-Privadas para a construção de autoestradas foram assinadas com a Ascendi, que na altura pertencia ao Grupo Mota-Engil: as auto-estradas do Norte, Costa de Prata e Beiras Litoral e Alta. Jorge Coelho era então Ministro de Estado e do Equipamento Social. Luís Parreirão era Secretário de Estado Adjunto e das Obras Públicas. Os dois tutelavam a pasta das Obras Públicas. Os 2 assinaram estes acordos. Não foi preciso esperar muito para que, 1 ano depois, em 2002, Luís Parreirão, já fora do governo, aceitasse um convite para ser administrador de várias empresas do Grupo Ler mais

Atualidade - Ziyaad Yousef sobre Jerusalém e a decisão de Trump

Depois de Trump ter reconhecido oficialmente Jerusalém como capital de Israel, entrevistámos o Ziyaad Yousef sobre como a política dos EUA tem sido sempre a mesma desde há décadas atrás, pouco mudou. Oiçam aqui o episódio. Ler mais

André Amálio sobre a descolonização

André Amálio recebeu-nos na sua casa, em Lisboa, e foi aí mesmo que nos contou como uma aluna de doutoramento na Universidade de Coimbra foi impedida pelos seus próprios orientadores de investigar massacres levados a cabo pelo regime português durante o colonialismo. E fez questão de vincar que isto aconteceu agora. Não é coisa de há décadas atrás. A aluna, censurada, viu-se forçada a desistir da sua investigação. O colonialismo ainda é tabu. Estava habituado a olhar para toda “aquela história grandiosa dos nossos heróis”. A verdade, conta André, é que precisou de “ir para o estrangeiro para olhar para Ler mais